Eventos com Personalidade

Estudantes e Profissionais de Turismo vão “invadir” Madrid

Como é habitual, todos os anos, Madrid abre portas ao turismo dos cinco continentes com a Feira Internacional de Turismo (FITUR). Uma feira profissional que reune profissionais, entre hotéis, companhias aéreas, empresas e startups, e faz bater o coração do sector. A próxima edição, de 2016,  está já agendada para os dias 20, 21, 22, 23 e 24 de Janeiro. Datas já conhecidas, de cor e salteado, por todos os estudantes e profissionais de turismo que já a conhecem e veem-na como um encontro e uma oportunidade única para estabelecer contactos com o sector a nível internacional.

A novidade é que a wow xperiences está a organizar a segunda edição da viagem à FITUR 2016 Madrid, um destino obrigatório para todos os estudantes e profissionais portugueses (e não só) que queiram visitar a feira, fazer parte de um encontro internacional de turismo e aproveitar para conhecer a capital espanhola.

A primeira edição somou cerca de 300 participantes de Lisboa, Porto, Coimbra, Aveiro e Peniche. A segunda edição promete ser ainda melhor, com uma forte aposta na qualidade, nomeadamente, no alojamento. Esta viagem têm um único pack de 129 euros, com facilidade de pagamento (poderá ser pago na totalidade ou em prestações) e inclui: Transporte em autocarro, alojamento em hostel, entrada na Fitur, festa, várias dinâmicas e seguro de viagem.

Uma viagem entre estudantes e profissionais de turismo que se converte num grande encontro internacional, numa das maiores feiras do sector. Uma experiência wow –  #tuwaiseuwow!

~ um chá wow ~

 

Standard
Chá das 3

Desporto e Turismo de mãos dadas

A prática de actividades desportivas está cada vez mais em voga, por variadíssimas razões, apela-se ao bem estar físico e mental, à boa alimentação, a luta contra a obesidade e as doenças cardiovasculares.

Na verdade sempre se apelou a estas coisas, sempre se falou em actividade física, trail running, btt etc. e tal, mas nos últimos anos tem sido o grito da moda. Todos os dias no caminho para o trabalho e de volta para casa dou por mim a passar pelas mesmas pessoas a fazer a sua corridinha, sozinhos, em grupo, com os seus cãezinhos. Sempre gabei estas pessoas, porque sou uma preguiçosa de primeira, para me mexer é um suplício apesar de me obrigar a mim mesma a ir pelos menos 3 vezes por semana fazer o meu treininho logo pela manhã, mas correr sem objectivo aparente (tipo perseguir uma bola em algum desporto colectivo) é coisa que não me assiste.

Agora a sério, eu dou muito valor ao desporto, até porque, como já disse aqui em tempos, já pratiquei desporto de competição e adoro as iniciativas que têm surgido nos últimos tempos e a forma como têm sido publicitadas.

O desporto é uma actividade contagiante, move massas, une pessoas, faz-se amizades nas diferentes modalidades, equipas e eventos. De todos os bons atributos que o desporto já tem, ainda se pode revelar enraizado na cultura de um país e melhor amigo do turismo.

Tem havido nos últimos anos variadíssimos eventos desportivos que elevaram a notoriedade do nosso país e contribuíram para o fortalecimento da marca Portugal, e cada vez mais se ouve falar de trails todas as semanas, de norte a sul e ilhas, são iniciativas muito interessantes e felizmente têm sido muito bem publicitadas, através de rádio, TV, redes sociais e imprensa escrita.

Para quem não sabe, trail é um tipo de corrida com percursos traçados incluindo trilhos técnicos, muitas vezes acessíveis apenas a pé. Estes percursos são em zonas montanhosas com grandes declives, passagens por riachos, zonas rochosas, etc. Basicamente, é correr no meio da natureza passando por tudo o que esta nos oferece. Nunca fiz mas, um dia até gostava de experimentar, obviamente antes disso teria de treinar bastante.

A minha irmã fez e aconselha, por ser divertido, apesar de muito cansativo, por se verem locais lindíssimos e pelo companheirismo que por lá se faz sentir, e foi isso que me deu vontade de experimentar, mas mais que a vontade é a coragem para tal, um dia…!

É mesmo aos locais bonitos que eu quero chegar agora, já vi publicitarem trails em muito locais, cada um mais bonito que outro e conheço muita gente que vai a todos, ou seja, a forma como este tipo de actividades potencia o turismo é extraordinária. Neste contexto, a realização destas actividades desportivas assume uma função muito importante, desenvolvendo e movimentando as economias das regiões onde as mesmas ocorrem, e na medida em que os eventos são desenvolvidos em conjunto com celebrações tradicionais das regiões, são capazes de efectuar uma promoção local e regional incrível.

Vamos praticar mais exercício físico e ao mesmo tempo conhecer este país lindo que temos, há melhor?!

11651033_1084654898230299_1544559463_n

 

~ Um chá, uma corrida e bom turismo ~

Standard
Evento do Mês

Portugal Tourism Challenges

14 de Março, um sábado de sol e um auditório cheio. Tudo apontava para um grande dia em torno do marketing digital na indústria do turismo. Começava assim a segunda edição do Portugal Tourism Challenges.

Num momento em que cada vez mais turistas visitam Portugal e que o turismo soma e segue na economia nacional, torna-se pertinente discutir e abrir debate para novas ideias e novas formas de marketing e de promoção do turismo em Portugal. É neste intuito que o Tourism Challenges pretende dar o seu contributo, convidando profissionais do sector para uma conversa sobre a sua experiência e as respostas aos desafios da profissão. Entre portugueses e estrangeiros, a partilha foi muito diversa e enriquecedora, falou-se de estratégia, de marketing, de consumidores, de marcas, de turismo, de Portugal.

Pelo segundo ano, o design gráfico de alguns materiais promocionais e de comunicação estiveram a cargo da nossa shaker do design, Isabel Cunha e um chá de camomila deram o seu contributo na organização deste evento. A propósito de organização, a quem felicitamos desde já, o Portugal Tourism Challenges partiu da iniciativa e vontade de um grupo de amigos, entre o marketing e o turismo, em realizar um evento focado no debate sobre o marketing digital na indústria do turismo. 

Podia este evento não ser um dos nomeados ao evento do mês pelo nosso blog? Não, claro que não! =)

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

IMG_0349

IMG_0468

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Ainda que voltado em parte (como é propósito) para o marketing e para o Turismo, não foi apenas de marketing e turismo que se falou durante esse dia. O Portugal Tourism Challenges consegue ser um evento abrangente, abordando  assuntos que passam pela comunicação, pelos eventos, pela marca ou até pelo design. E portanto, um evento também para marketers, gestores de eventos, relações públicas, designers…Adorei a experiência e estou já ansiosa pela próxima edição.” Isabel Cunha

~ shaking the marketing & Tourism ~

Standard
Shake it Now

Novos Tipos de Turismo

Estão a surgir novos conceitos de Turismo influenciados por diversos factores sócio-culturais e económicos. A crise financeira global tem um impacto em diversas áreas e o Turismo não é excepção, forçando cada vez o turista a adaptar-se a novas formas de viajar para conhecer o Mundo.

O site Hotéis.com reuniu mais algumas novas definições actuais e apresenta a segunda edição do novo vocabulário da moderna indústria hoteleira.

O headshake quis saber mais e conta-vos tudo!

Flashpacking: os flashpackers combinam viagens de baixo custo com alojamento e atividades, procurando uma alimentação de melhor qualidade. Outra característica é a constante utilização de tecnologia, ferramentas essencias para as suas viagens.

Staycatian: o turista gasta o menos dinheiro possível e conhece em profundo a cidade/região. Inclui estadias curtas que permitam visitar exposições, assistir a espectáculos ou simplesmente descobrir a arquitectura da cidade, que hoje em dia devido aos loucos dias de stress em que vivemos, normalmente passam despercebidos.

Nano Breaks: Estas viagens são de curta duração e tem como objetivo conhecer o destino de uma forma rápida e económica. Assim os viajantes conseguem fugir ao stress do dia-a-dia.

Rough-Luxe: Este tipo de turismo está inteiramente ligado ao luxo, não de bens, mas sim de conhecimentos, de enriquecimento pessoal. Com o objetivo de relaxar, o turista deste conceito pretende usufruir do luxo, a que tem direito, para refletir e para se relacionar com as pessoas do destino.

Greeky Traveler: Se és apaixonado pelas tecnologias, gadgets e a constante ligação à internet então este é o teu tipo de turismo!

O theWit A Doubletree Hotel (Chicago) é um dos locais que se encaixa nestes requisitos pois, por exemplo, todos os quartos têm telefone NEC VoIP com um ecrã LCD.

Mas a vantagem deste aparelho não se fica por aqui, uma vez que também apresenta informação sobre voos, aluguer de automóveis, chamadas de despertar e TV HD com browser para acesso completo à Internet, com todos os serviços que ela possibilita. 

~ shaking the tourism ~

Fonte: Hóteis.com

Standard